Projeção astral: A Magia do Sonho Lúcido

Leave a Comment

Projeção astral: A Magia do Sonho Lúcido | Wicca, Magia, Bruxaria, Paganismo

Desde os primórdios da humanidade os sonhos são vistos por inúmeras culturas como um presságio em que podemos confiar e, dentro da Wicca também desempenham um papel importante. Existem muitos tipos de sonhos que vão desde sonhos proféticos a pesadelos, porém também existe o sonho lúcido, também conhecido por projeção astral ou desdobramento.

Essa prática, tanto na Wicca como em outros ramos esotéricos, é utilizada para buscar experiências de aprendizagem para eventualmente amadurecermos em espírito. Também é através dela que podemos estabelecer conexões mais diretas com diversas divindades. Esse processo é algo natural do nosso ser, sendo realizado consciente ou inconscientemente por pessoas de qualquer idade ou credo desde a antiguidade para adquirir conhecimento ou comunicar-se com os deuses. O assunto, que nunca deixou de fazer parte da história espiritual da humanidade, passou a ser discutido com mais frequência após os registros ocultistas dos últimos dois séculos e também passou a ser estudado cientificamente.

Um sonho lúcido é um sonho no qual o indivíduo tem total ou parcial controle de sua mente e de suas ações. É possível tomar decisões e executá-las assim como na dimensão física. Por exemplo, durante um sonho lúcido é possível caminhar, conversar, escolher onde ir, etc. Para quem possui maior controle da projeção e da mente, é possível fazer qualquer coisa que seria impossível na dimensão física, como, por exemplo, voar livremente.

A partir do momento em que o espírito deixa o corpo e embarca em uma projeção astral, o local onde a projeção ocorrerá poderá ser um local real, existente na dimensão física, um local imaginário, criado pelo próprio indivíduo ou ainda um local real pertencente a uma dimensão diferente da nossa.

Projeção astral: identificando sua experiência


Essa prática nada mais é que o relaxamento total do corpo enquanto a consciência permanece desperta. Durante o sono, os laços energéticos que seguram o corpo astral ao corpo físico se afrouxam, permitindo a experiência extracorpórea. Podemos classificar o desdobramento em três modos:
  •  Projeção inconsciente: A maioria das pessoas se enquadra nessa categoria. Sendo “sonâmbulos”, realizam involuntariamente a projeção sem que se deem conta do processo. 
  •  Projeção semiconsciente: Com um nível de consciência irregular, o projetor muitas vezes não se dá conta da situação e acaba iludido pelas ideias oníricas. Após algum tempo pode perder a consciência e entrar em uma projeção inconsciente. 
  • Projeção consciente: É aquela na qual o projetor possui total controle sobre a experiência extracorpórea, mantendo-se lúcido durante todo o processo.



Cristais, ervas e o treinamento para fazer uma projeção astral

Não há um manual com etapas a serem seguidas para se realizar uma projeção astral, pois como já dito, é algo que realizamos naturalmente e muitas vezes involuntariamente. Porém você pode utilizar a magia contida em pedras e cristais ou essências que são capazes de auxiliar no desdobramento.

Dormir com uma turmalina negra sob o travesseiro ou ao lado da cama pode auxiliar em uma viagem astral. A opala, além de auxiliar, também ajuda a proteger o espírito durante a viagem. Colocando ao lado da cama um pouco de Artemísia, além de auxiliar na projeção astral, você abrirá um canal para sonhos proféticos.

Podemos exercitar o domínio da experiência e o aumento da lucidez através de meditação e persistência. Pode também ser usada uma música calma que não te impeça de dormir mas que seja o suficiente para manter sua mente ligada. Sempre que tiver dúvidas se está experimentando um sonho lúcido ou se está acordado, questione o ambiente ao seu redor, muitas vezes não nos damos conta de que estamos em um sonho pois somos facilmente iludidos pela sua realidade. A matéria é bem mais sutil no plano astral e facilmente mutável de acordo com nossa vontade, algumas pessoas sugerem puxar os dedos ou dar pulinhos como exercício a ser feito, outras sugerem reparar em relógios e coisas escritas, pois mudam facilmente. Por isso sempre tente reparar ao máximo nos detalhes, pois muitas vezes você perceberá neles que está em uma projeção.

A parte mais difícil da experiência é manter a lucidez, uma vez que no plano astral nossas emoções são intensificadas e qualquer sensação de medo ou frustração pode nos trazer de volta ao corpo físico, algumas vezes provocando catalepsia projetiva, que é quando o corpo acorda antes da total “volta do espírito”, resultando em imagens e sons por vezes perturbadores e a incapacidade de se nos movermos. Nestes casos não entre em desespero e concentre-se em sua mente, você é capaz de tudo! É importante manter a calma e a tranquilidade durante todo o processo da projeção e fazer dela uma experiência prazerosa e de aprendizado.



Projeção astral: crescimento espiritual

Embora nem todos tenhamos consciência disso, através da projeção estamos constantemente incorporando ensinos etéreos à nossa existência física. O corpo astral é a chave do nosso crescimento espiritual entre a existência na Terra e o trabalho em outros planos, portanto é importante um balanceamento constante entre o corpo e o espírito.

Para ajudarmos a manter o equilíbrio da natureza aqui na nossa dimensão, podemos nos desenvolver a ponto de acessarmos conhecimentos de níveis superiores para aplicá-los por aqui. Através das projeções astrais também somos capazes de visitar locais distantes aqui na Terra para prestar ajuda quando necessário. É muito importante mantermos nossa mente saudável vibrando sempre questões positivas para que as projeções sejam ricas em aprendizado e para que nos desenvolvamos com saúde.



Você costuma fazer projeções astrais? Como são suas experiências? Tem alguma dúvida à respeito? Deixe seu comentário!